COOPERATIVAS
 se mantêm FORTES em tempos de crise.

Encontro Integrado de Operações reúne colaboradores do setor administrativo da Unimed Recife

Cerca de 200 colaboradores da cooperativa do Ramo Saúde Unimed Recife trocaram experiências de trabalho e reforçaram os laços de amizade no Encontro Integrado de Operações, que aconteceu em um hotel na cidade de Gravatá, no Agreste Pernambucano. O evento, organizado em parceria com o Sescoop/PE, contou com palestras sobre a importância de se organizar coletivamente para conquistar objetivos em comum, além de meios de afastar o individualismo, trabalhando as conexões sociais. Esse foi o primeiro evento de uma divisão em três turmas. Ao todo, 600 pessoas ligadas à Unimed Recife passarão por essa experiência ao fechamento do último módulo.

A presidente da Unimed Recife, Maria de Lourdes, esteve na porta do auditório para recepcionar e dar as boas-vindas a cada participante do evento. Ela também ficou responsável por dar início às atividades do dia. Visivelmente empolgada pela execução daquele evento, ela pontuou a importância de cada colaborador e colaboradora ali presente e a satisfação de estar em meio a pessoas que executam de maneira satisfatória as atividades cotidianas.

“É uma grande satisfação estar no meio deste grupo, que me dá orgulho todos os dias. Nossa cooperativa não estaria no patamar alcançado se não fosse a dedicação e o amor colocados de forma tão carinhosa por todos aqui nesta sala. A Unimed Recife é uma das organizações que mais crescem no estado. Isso passa por um bom atendimento ao cliente, a execução satisfatória das contas médicas e uma administração que dialoga bem com os outros setores. É muito bom fazer parte de um grupo tão engajado, com vontade de crescimento”, enalteceu a presidente.

Após a fala da presidente, gestores da Unimed Recife compartilharam com todo o grupo os objetivos da cooperativa para os próximos meses. Entre eles o da acreditação. Esse é um programa que tem como objetivo principal certificar a qualidade assistencial das operadoras de planos de saúde, de acordo com a avaliação realizada por entidades de acreditação homologadas pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), além de instituições habilitadas pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (INMETRO).                  

De acordo com os gestores, para conquistar a acreditação, é realizada uma série de avaliações da empresa solicitante. Entre a avaliação é levado em conta a organização dos processos administrativos, a estrutura e toda a operação dos serviços de saúde prestados aos clientes, além do desempenho de toda a rede de profissionais médicos e a situação dos estabelecimentos de saúde conveniados, somado ao nível de satisfação das pessoas beneficiadas.

Compartilhado esse objetivo, era hora de dar espaço aos instrutores Erick Siqueira e Johann Sá Leitão. Os dois trabalham com projetos motivacionais e a exploração de diversos saberes em meio à execução de um planejamento. Logo de início a dupla abordou a temática da evolução e a globalização, mostrando empresas que cresceram rapidamente em meio às necessidades do público, além de outras que desapareceram por não investir em novas tendências. Ao público foi deixada a pergunta: você está se renovando?

Dinâmicas também foram trabalhadas durante todo o dia. Elas exploravam o trabalho coletivo e o interesse no bem-estar do próximo. A afetividade e o companheirismo foram sentimentos que ficaram mais aflorados ao final do dia.

“Aprendi aqui que é muito importante eu me colocar no lugar das pessoas que estão ao meu lado. Saber das principais necessidades dela, também me ajuda a crescer, como profissional e ser humano. Só seremos felizes por completo se estamos trabalhando em um ambiente onde todos também estão felizes”, comentou auxiliar do setor administrativo, Rosângela Prado, colaboradora da Unimed Recife há 13 anos.

Na visão da superintendente operacional da Unimed Recife, Karla Roque, o cuidado com o outro no trabalho é um grande passo para a cultura da excelência. “Queremos integrar as áreas cada vez mais. E para isso necessitamos trabalhar com pessoas preocupadas com o bem-estar do outro. Quando sentimos o que o outro sente, podemos proporcionar um ciclo de ajuda mútua e um ambiente mais harmonioso de trabalho”, comentou a gestora.                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                    

Vídeos

adidas superstar air max suisse nike roshe run suisse nike roshe run mbt suisse nike air force suisse ray ban suisse nike air max suisse louboutin suisse mbt geneve christian louboutin suisse new balance suisse cialis suisse viagra suisse kamagra 100 viagra suisse levitra suisse kamagra gel priligy suisse viagra generique