COOPERATIVAS
 se mantêm FORTES em tempos de crise.

Sescoop/PE promove palestra sobre segurança no trabalho em Macaparana

Na meta de seguir o objetivo finalístico do apoio a iniciativas voltadas para a saúde e segurança no trabalho, proposto na Matriz Estratégica do Cooperativismo no Brasil, o Sescoop/PE promoveu uma palestra sobre ergonomia, ciência que estuda técnicas de adaptação entre o ser humano e a máquina, visando o equilíbrio adaptativo para evitar algum tipo de desgaste na saúde humana. O evento aconteceu na cidade de Macaparana, localizada a 120 quilômetros da capital pernambucana,  e foi oferecido a cooperados da Cooperativa dos Trabalhadores em Confecção (Coopconfec). A palestra foi conduzida pelo técnico em segurança do trabalho, Alexandro Penha.

 

No total, 25 pessoas participaram da palestra, grande parte do público formado por mulheres. O maior interesse delas era de saber como se proteger de dores no corpo e ter uma melhor qualidade de vida para seguir no trabalho. Sobre esse ponto, o palestrante pediu ao grupo uma maior atenção às Lesões por Esforço Repetitivo (LER), que são os problemas de caráter físico mais limitadores na continuação do trabalho.

 

“O LER é uma sobre carga no músculo causada pela repetição de uma mesma tarefa por um longo período de tempo. Isso pode causar muita dor e diversas lesões. Para se evitar esse problema, é necessário analisar nosso ambiente de trabalho. Caso passe muito tempo sentado, procure deixar as costas em posição ereta, em um apoio confortável, e cuide para que os seus punhos não estevam muito dobrados”, aconselhou Alexsandro.

 

Em um ambiente de trabalho, a iluminação também pode influenciar na qualidade de vida de quem trabalha sentado em frente uma máquina para confecção de roupas. Alexandro pediu ao grupo que faça uma análise sobre a posição das lâmpadas para avaliar se os cooperados têm a certeza de estarem se sentindo bem com a atual luminosidade e se conseguem observar detalhadamente todos os pontos das roupas, além de ver o que acontece no restante do ambiente de trabalho.

 

Outro ponto bem trabalhado pelo técnico foi nos exercícios que podem evitar as fadigas musculares. Para ele, o fato de se alongar antes das atividades pode melhorar na qualidade de vida e auxiliar na produtividade de cada cooperado. “Quando nos alongamos podemos evitar, a longo prazo, alguns acidentes de trabalhos e até ausências por afastamento, além de ficarmos longes das dores musculares”, comentou Alexsandro. Após o comentário, ele convidou todos os cooperados a se levantarem para mostrar na prática exercícios de alongamento.

 

O momento de informação e descontração foi bem avaliado pela cooperada da Coopconfec, Maria Auxiliadora, de 45 anos. Ela já teve dificuldades de trabalho, que, de acordo com ela, podem ser evitadas devido às informações captadas na palestra. “Meu pulso, de vez em quando, dói demais. Isso deve acontecer porque não faço nenhum trabalho de alongamento e pelo tempo de atividade por um período longo. Vou começar a me policiar, para que isso não acontece mais”, prometeu a cooperada.

 

Vídeos

adidas superstar air max suisse nike roshe run suisse nike roshe run mbt suisse nike air force suisse ray ban suisse nike air max suisse louboutin suisse mbt geneve christian louboutin suisse new balance suisse cialis suisse viagra suisse kamagra 100 viagra suisse levitra suisse kamagra gel priligy suisse viagra generique