COOPERATIVAS
 se mantêm FORTES em tempos de crise.

Encontro Estadual das Cooperativas debate metas para 2018

Gestão, governança e planejamento. Esses foram os assuntos mais discutidos dentro do 32º Encontro das Cooperativas de Pernambuco, que aconteceu na cidade de Gravatá, no Agreste pernambucano, no dia 1º de dezembro. O evento contou com a participação de vários dirigentes de cooperativas dos nove ramos cooperativistas que atuam em todo o estado, e serviu como plano de ação para as metas e atividades a serem desempenhadas pelo Sistema OCB/PE, na busca por um cooperativismo cada vez mais competitivo no Brasil. O Encontro também contou com o apoio de palestrantes de sucesso e a exibição de casos de sucesso onde o cooperativismo foi destaque nacional.

O evento foi aberto oficialmente pelo presidente do Sistema OCB/PE, Malaquias Ancelmo de Oliveira. Ele logo chamou a atenção do público sobre a nova marca que pontuará o cooperativismo nacional, o Somoscoop. A logo irá estampar marcas de produtos que tem o trabalho cooperativista como meio de desenvolvimento, facilitando ao público a informação de que aquela marca foi feita com a mão de obra cooperativista.

“Ela mostrará ao brasileiro como o cooperativismo está presente na vida, mas boa parte do povo ainda não sabe. Será uma marca que irá padronizar nosso trabalho e competência e vai dialogar constantemente com o consumidor. Foi uma marca pensada dentro de um conselho de comunicação nacional, no qual fazemos parte, e vai nos ajudar a sermos mais fortes dentro do mercado”, explicou Malaquias. Sobre o Encontro, ele pontuou a felicidade de participar de mais uma edição, onde a gestão e governança das cooperativas é tema constante para que os processos sejam cada vez mais profissionalizados, colocando o cooperativismo de Pernambuco em um patamar mais alto.

Para facilitar no debate sobre o processo de avaliação da marca cooperativista e na busca por melhoria das atividades, o Encontro contou com a participação do professor da Fundação Getúlio Vargas nas cadeiras de Gestão de Marketing de Vendas e Marketing Estratégico, além de palestrante, Cláudio Tomanini. No início da palestra, ele tentou inquietar o público com questões: por que inovar? Em um mercado cada vez mais competitivo, e com produtos tão diferenciados, como fazer para fidelizar as pessoas a utilizarem mais a sua marca ou a sua cooperativa? De acordo com ele, há formas de reavaliar o negócio, que podem gerenciar riscos e auxiliar na fidelização do negócio.

“Não são respostas que movem o mundo, e sim perguntas. Dentro do seu negócio, sempre se pergunte se os clientes ou cooperados estão sendo atendidos de maneira satisfatória, quais são os principais concorrentes e se você tem capacidade produtiva para crescer do jeito satisfatório. Dessa maneira, é possível se preparar melhor para o futuro sem se descuidar da qualidade”, comentou o palestrante.

Claudio Tomanini também chamou a atenção do público para a atual crise econômica vividada no Brasil. Para ele, muita gente coloca a culpa da falta de oportunidades nesse problema, porém, ainda de acordo com o professor, esse momento acaba abrindo outras oportunidades, dependendo da área de atuação e do poder de inovar que cada pessoa possui.

Em um segundo momento do Encontro, foram exibidos casos de sucesso do cooperativismo, onde a união das pessoas transformaram regiões, dando uma melhor perspectiva de vida ao público. Um desses casos foi trazido por João Carlos Leite, presidente do Sicoob Saromcredi, que atua na cidade de São Roque, no interior de Minas Gerais, cidade conhecida por ser o local onde nasce o Rio São Francisco. A cidade, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), possuia 10 mil habitantes na década de 60 e 6.100 nos anos 90, contrariando a alta populacional em todo o Brasil. De acordo com João, isso estava acontecendo pela falta de comércio na cidade, o que afasta o desenvolvimento e a aparição de oportunidades.

Esse problema foi agravado quando o único banco disponível em São Roque fechou, deixando a agência mais próxima à 40 quilômetros de distância.“A cidade estava fadada a desaparecer. Não existia perspectiva de nada, mas contrariando o que todos estavam fazendo, eu e um grupo de amigos resolvemos ficar na cidade para tentar sobreviver do que podíamos”, revelou João.  

A saída vista por João foi se juntar com pessoas que queriam ver o desenvolvimento na cidade e se organizar de alguma maneira para fazer uma instituição de crédito. “No banco tem dinheiro e crédito. Se tem esses dois, então vai ter pessoas. E era disso que a cidade de São Roque estava precisando”, relembrou João. Na união, a saída foi se juntar em cooperativa, que foi organizada com materiais emprestados e na ousadia de pessoas que entendiam pouco do processo, mas com o passar do tempo foram buscando qualificação.

“Foi só abrir as portas que as pessoas foram chegando. Com o tempo, a estrutura foi melhorando, a cidade foi tendo um comércio mais fortalecido e as oportunidades foram aparecendo. Se não fosse o cooperativismo e as pessoas, a cidade, provavelmente, hoje, seria um lugar abandonado."

O caso de sucesso foi inspirador, na opinião da coordenadora de gestão de pessoas da Sicred Pernambucred, Silvana de Jesus. Para ela, o trabalho desenvolvido por João Leite revela que o cooperativismo é um sistema diferente dos demais. “O cooperativismo inspira e reúne pessoas. Com um objetivo próprio de fazer a felicidade, o meio consegue trazer benefício para toda uma cidade, basta acreditar e investir que dá certo”, comentou a gestora. 

“Sou frequentadora dos Encontros Estaduais e o evento está melhorando a cada dia. Os palestrantes e os estudos de caso deste ano só vem a nos ajudar a acreditar mais no cooperativismo e a buscar cada vez mais no grau de qualidade. Sempre de olho no bem-estar dos nossos cooperados, que são as pessoas responsáveis pelo bom andamento da cooperativa”, contou a superintendente da Uniodonto Recife, Márcia Martins.      

Vídeos

adidas superstar air max suisse nike roshe run suisse nike roshe run mbt suisse nike air force suisse ray ban suisse nike air max suisse louboutin suisse mbt geneve christian louboutin suisse new balance suisse cialis suisse viagra suisse kamagra 100 viagra suisse levitra suisse kamagra gel priligy suisse viagra generique